foto1

Cinco pontos que merecem atenção para evitar acidentes das estradas

O crescimento da frota de veículos, a imprudência dos motoristas e a falta de educação no trânsito aumentam o risco de acidentes nas estradas. Para evitar que essas estatísticas continuem a crescer, queremos alertar para a importância de tomar ações preventivas ao circular nas rodovias e estradas do País.

Confira abaixo nossas cinco orientações para evitar acidentes:

  1. Verifique as condições do veículo: antes de viajar verifique as condições do veículo no que se refere a equipamentos de segurança (extintor, triângulo, cintos de segurança), freios (nível de óleo, pastilhas, lonas, regulagem, nível do fluido, possíveis vazamentos e freio de mão), sistema elétrico (faróis, lanternas, setas, luz de freio, luz de ré, luzes de emergência e buzina), pneus (estepe, alinhamento da direção, balanceamento das rodas, amortecedores), motor (nível de óleo do motor, correias, mangueiras, ruídos anormais, regulagem, velas e cabos), limpadores de para-brisa (borracha em bom estado), retrovisores externos e internos, radiador (nível da água com o carro desligado). Atenção: caso detecte um problema mecânico mais sério, recorra a uma oficina mecânica especializada e solucione o problema antes de pegar a estrada;

 

  1. Atenção redobrada na ultrapassagem: a ultrapassagem deve ser feita apenas em locais permitidos (verifique a sinalização da pista) e de forma rápida e segura. Tenha certeza de que há espaço suficiente para a manobra e só retorne à pista após localizar o veículo ultrapassado pelo retrovisor. Sempre sinalize com antecedência sua intenção de ultrapassar, e ultrapasse sempre pela esquerda. Jamais ultrapasse pelo acostamento das estradas, sobre pontes ou viadutos. Em caso de chuvas, redobre a atenção, pois o veículo da frente provoca uma cortina d’água que dificulta a visibilidade;

 

 

  1. Neblina exige cuidado redobrado: em caso de neblina, reduza a velocidade, e mesmo durante o dia mantenha os faróis baixos acesos. Mantenha uma distância segura do veículo à frente, abra um pouco os vidros para evitar que embace, nunca trafegue pelo acostamento, evite realizar ultrapassagens e não pare na pista. Caso ache necessário, procure um local seguro para estacionar, acenda os faróis e utilize os equipamentos de segurança, como pisca-alerta e triângulo;

 

  1. Chuvas aumentam os riscos: em caso de chuva o risco de acidentes aumenta consideravelmente, por isso, siga esses passos básicos: reduza a velocidade, aumente a distância dos veículos à frente, acenda os faróis baixos, acione o limpador de para-brisas e o desembaçador, mantenha as janelas com abertura suficiente para a circulação de ar. Na chuva os pneus podem perder o contato com o asfalto, a chamada aquaplanagem, e perder a direção. Nessa situação o mais seguro a se fazer é manter a marcha engrenada e diminuir a aceleração, sem frear. Também é indicado acender os faróis, girar suavemente a direção para a esquerda e para a direita até conseguir o controle do veículo novamente;

 

  1. Acidentes na pista: ao deparar com acidente mantenha a calma. Caso seja possível, sinalize o local a uma distância de, pelo menos, 200 m, para evitar novos acidentes. Caso verifique que há feridos, chame o Corpo de Bombeiros (190). Procure manter a vítima calma e informe-a que o socorro está a caminho. Nunca execute primeiros socorros se você não for treinado, isso pode agravar a situação da vítima.

 

Estes são alguns cuidados básicos e simples, que devem ser considerados para reduzir o número de acidentes e tragédias nas estradas.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *