Posts

O novo normal da mobilidade


O avanço da pandemia da Covid-19 e a recomendação de isolamento social resultou em menos carros nas ruas, menos viagens e menos emissão de CO2. Assim, a aposta de muitos que precisam se locomover e querem evitar o transporte público são as bicicletas. De acordo com o BCG, dependendo da região, entre 40 e 60% dos entrevistados pretendem reduzir a dependência do transporte coletivo e passarão a optar por pedalar.


Esse meio de transporte alternativo, além de evitar a emissão de gases nocivos ao meio ambiente, diminui congestionamentos nas vias e faz bem para a saúde. No entanto, também é necessário seguir as regras de trânsito e uso dos equipamentos de segurança, a fim de evitar acidentes.


Na questão de mobilidade, há na Alemanha um amplo estudo para que este impacto da pandemia nas vias, também aconteça e se torne um novo normal. Investimentos em ciclovias, por exemplo, serão bastante determinantes para um desenvolvimento seguro de uma cidade.


A DEKRA, referência mundial no quesito segurança em casa, no trabalho e nas estradas, encontra-se a disposição para análises e estudos para que o futuro da mobilidade, também no Brasil, seja feito de modo sustentável e organizado.


Confira a matéria na revista DEKRA Solutions: https://www.dekra-solutions.com/2021/01/mobility-the-new-normal/?lang=en

Combustíveis do futuro


A fórmula para o posto de gasolina do futuro é simples: proporcionar energia necessária para qualquer tecnologia de propulsão.


Em breve, além das bombas de gasolina e diesel, também serão incluidos GPL (Gás de Petróleo Liquefeito), GN (Gás Natural), Hidrogênio e carregador rápido de veículos elétricos para equipamentos de serviço. Estes postos de abastecimento, também pode servir de centro de mobilidade, por exemplo, com uma estação de pacotes DHL conectada.


Claro que a DEKRA já está envolvida neste processo de desenvolvimento para certificar e assegurar estes locais. Quer entender melhor sobre o futuro dos postos de abastecimento dos veículos, acesse: https://www.dekra-solutions.com/2021/02/service-station-charging-power-from-the-bakery/?lang=en

DEKRA inicia inspeções de veículos no México

A organização internacional especializada DEKRA está a caminho de iniciar as inspeções de veículos no México. A número 1 global em campo foi encomendada pelo estado mexicano de Jalisco para abrir seis estações de verificação de emissão com 42 pistas em Guadalajara, a segunda maior cidade do país. A inauguração está prevista para a primavera de 2021.


  • O estado de Jalisco comissionou a DEKRA para operar as estações
  • O início da operação está previsto para a primavera de 2021
  • DEKRA é o número 1 global com 27 milhões de inspeções de veículos por ano em todo o mundo

  • As estações serão operadas por especialistas da DEKRA, que serão administradas pela Secretaria do Meio Ambiente e Desenvolvimento Territorial do estado, SEMADET. Os especialistas das estações DEKRA serão responsáveis por 100% das verificações de emissão de diesel na cidade.


    “Estamos satisfeitos que as autoridades de Jalisco tenham reconhecido e apreciado a competência da DEKRA no campo das inspeções de veículos”, disse Clemens Klinke, membro do Conselho de Administração da DEKRA SE. Ele acrescentou: “Traremos a experiência de mais de 90 anos e de cerca de 27 milhões de inspeções de veículos por ano em todo o mundo para Guadalajara, a fim de garantir que os veículos atendam aos padrões de emissão definidos em Jalisco”.


    Especialistas da DEKRA North America estiveram envolvidos na licitação de Jalisco e são fundamentais para o estabelecimento de negócios em Guadalajara, disse Clemens Klinke. “Nossa equipe altamente competente e confiável nos EUA tem sido um ativo valioso adicional para nós nisso. Estar presente no mercado de inspeções veiculares dos EUA e ter desenvolvido serviços de forma constante nos ajudou substancialmente na licitação. ”


    A construção das novas estações está prevista para começar o mais breve possível, com o objetivo de entrar em operação em março de 2021. “No planejamento das estações, estamos permitindo a futura possibilidade de verificações de segurança, que são obrigatórias em muitos países e regiões em todo o mundo e provaram ser uma medida eficaz para melhorar a segurança no trânsito ”, disse Klinke.