Posts

7 dicas para mais sustentabilidade em casa

Seja fazendo compras, lavando ou limpando – há muitas maneiras de viver de maneira ecológica em casa. A DEKRA Solutions mostra sete dicas sobre como viver uma vida sustentável.


 lampe-243x300Economizando eletricidade

Não apenas no trabalho, mas também em casa, você pode viver de maneira sustentável usando a eletricidade com moderação. De acordo com a campanha “Vida Sustentável” do governo alemão, uma família de quatro pessoas gasta mais de 1.000 euros em eletricidade em média por ano, pelo menos um quarto dos quais é gerado por grandes aparelhos. Portanto, seria bom se todos os aparelhos de uma casa tivessem baixo consumo. Rótulos de energia, como o Blue Angel, o EU Energy Star, o rótulo ecológico da UE ou o de Eficiência Energética na América do Sul, mostram quais aparelhos economizam energia. Também é recomendável desconectar sempre os aparelhos não utilizados da fonte de alimentação. O uso de lâmpadas LED também economiza eletricidade. Apenas acenda a luz nos quartos em que você está atualmente.

 

Limpeza

Segundo o governo alemão, os cidadãos alemães compram cerca de 220.000 toneladas de produtos de limpeza doméstica e cerca de 260.000 toneladas de detergente para lavar louça anualmente, com base em estimativas da indústria. A dosagem exata é importante para poluir menos a água. O motivo: muitos agentes de limpeza contêm substâncias nocivas ao meio ambiente ou perigosas para a saúde. De acordo com a Agência Federal do Meio Ambiente, produtos de limpeza para todos os fins, detergente para a louça para as mãos, leite para limpeza e produtos de limpeza ácidos à base de ácido cítrico são suficientes para manter a casa limpa. Se não há como evitar um agente de limpeza especial, busque por rótulos de produtos ecológicos.

 

Lavanderia

Ao lavar a roupa, a Agência Federal do Meio Ambiente recomenda que a máquina seja carregada o mais completamente possível e que o lava roupas – de preferência altamente concentrado – seja usado com moderação. Também preste atenção à dureza da água e ao grau de mancha. É melhor evitar o uso de amaciante. Na maioria dos casos, também é suficiente lavar a roupa a uma temperatura baixa. Segundo o governo alemão, 30 a 40 ° C é suficiente.

 

Compras de supermercado deksol-icons-piktogramme-4-002-einkaufen

Compras de mantimentos também podem ser sustentáveis de várias maneiras. Segundo o governo alemão, quem presta atenção ao seu consumo de carne já contribui para a proteção de recursos. O motivo: para produzir apenas um quilo de carne bovina, por exemplo, são necessários mais de 15.000 litros de água. A Agência Federal do Meio Ambiente aconselha a comprar alimentos orgânicos. Preste atenção à origem regional e sazonal. Idealmente, evite o desperdício de alimentos. Cerca de 60% do desperdício de alimentos é originário de nós, consumidores. Em vez disso, você pode fazer um plano de refeições e, idealmente, comprar apenas o que precisa.


Cozinhando

Também existe o potencial de economizar energia e água ao cozinhar. De acordo com a Agência Federal do Meio Ambiente, é mais eficiente em termos de energia aquecer massas ou água do chá com uma chaleira. Deixar a tampa em tachos e panelas durante o cozimento economiza energia adicional. O uso de panelas de pressão economiza até 50% de energia. Ao assar, é aconselhável colocar o forno em circulação. Além disso, o refrigerador e o freezer nunca devem ficar abertos por mais tempo do que o necessário. Recomenda-se usar os aparelhos o maior tempo possível e repará-los, se necessário.

 

Sustentabilidade no banheiro

Para economizar água quente, a Agência Federal do Meio Ambiente recomenda tomar um banho em vez de um banho completo. No entanto, o tempo de banho não deve exceder dez minutos, pois o consumo de água será superior ao de um banho completo. Além disso, a água nunca deve correr enquanto lava as mãos. Você também pode consumir de forma sustentável ao comprar produtos de farmácia, seja uma escova de dentes de bambu em vez de plástico, frascos de shampoo de plástico reciclável ou tecidos reutilizáveis para remoção de maquiagem de tecido.

 

muell-300x300Evitando o desperdício

Não deite fora os alimentos no momento em que excede a data de validade. A Agência Federal do Meio Ambiente recomenda que você confie no seu olfato ou paladar e só então tome sua decisão. Isso não se aplica a produtos animais facilmente perecíveis. Sacos e cestas reutilizáveis substituem os sacos de plástico durante as compras. Se você ainda tiver sacos de plástico em casa, eles devem ser reutilizados o mais rápido possível. Os resíduos em casa também devem ser separados corretamente, a fim de reciclar o máximo possível. Você também deve comprar produtos sem embalagem, com embalagem reciclada ou em recipientes reutilizáveis, como garrafas retornáveis.

 

Imagens gráficas: www.flaticon.com

Matéria Revista DEKRA Solutions: https://www.dekra-solutions.com/2020/04/7-tips-for-more-sustainability-at-home

Serviço de Gestão de usados da DEKRA representa economia significativa para locadoras

O serviço evita cerca de R$ 1.900 em prejuízos por automóvel

 

São Paulo, maio de 2016 – A DEKRA, líder global em inspeção veicular e líder em serviços de vistoria automotiva no Brasil, adverte o mercado de frotas e locação para a importância da gestão dos veículos no momento da devolução, evitando prejuízos às locadoras. Segundo levantamento recente da multinacional alemã, para cada carro vistoriado no ano de 2015, a DEKRA identificou uma média de R$ 1.900 em avarias, que podem ser cobrados da empresa locatária. Já entre janeiro e dezembro de 2014, esse valor estava em R$ 1.540.

 

“O aumento do valor médio das avarias, acontece, sobretudo por dois fatores: tipo da frota (utilitária x executiva), mas também pelo prolongamento dos contratos, o que aumenta o valor das avarias, em função do aumento dos meses de locação, então se por um lado as locadoras conseguem fidelizar o cliente por mais tempo, do outro aumenta o risco no momento da venda dos veículos, pela diminuição do valor residual ao logo do tempo  e pelos danos provocados nos veículos”, afirma Miguel Silveira, diretor da DEKRA Automotive Solutions.

 

Dados da Associação Brasileira das Locadoras de Automóveis (ABLA) mostram que a frota nacional de veículos disponíveis para aluguel totalizou 773.222 unidades, divididos em 7.348 pontos de locação. Ainda segundo a entidade, a terceirização de frota é responsável por 58% dos contratos do setor.

 

“O valor das avarias, apurado pela DEKRA, representa cerca de 6.8% do valor comercial dos veículos. A correta aplicação das regras dos contratos de locação, no momento da devolução dos veículos, permite não só uma recuperação do valor para as locadoras, no momento da venda do veículo usado, como garante uma total transparência no processo de devolução para os locatários” salienta Silveira

 

As vistorias servem para averiguar avarias, identificar os equipamentos obrigatórios (chave de roda, estepe, macaco e triangulo), acessórios, entre outros itens. Todo o processo leva aproximadamente 30 minutos para ser finalizado. Os danos mais frequentes são riscos, danos nas calotas e amassados. Cada cliente é único. “A DEKRA consegue personalizar a regra de cobrança dos danos conforme necessidade de cada cliente”, salienta o executivo.

 

Fruto de grandes investimentos em TI, o processo hoje está cada vez mais rápido. As vistorias são realizadas através de PDA, permitindo acesso aos resultados da vistoria em tempo real. “ Neste negócio, o tempo de imobilização dos veículos é um fator crítico de sucesso, e a vistoria de devolução dos veículos é o ponto de partida para permitir o encerramento do contrato e proceder à venda dos veículos”.

 

No Brasil, os serviços de gestão de usados da DEKRA tiveram início em 2011, com sete pontos de atendimento. Atualmente, a empresa tem capilaridade nacional, estando presente em 26 estados. O serviço pode ser realizado nos postos de atendimento DEKRA, in-company ou nos pátios das locadoras.